Como é uma escola que segue o ensino religioso? – IAP – Educação Básica
13/09/2018 - 6:06

Como é uma escola que segue o ensino religioso?

Busca

IAPNEWS

Tags

Querer que seus filhos sigam os mesmos ensinamentos que você teve na época de sua formação é algo muito natural, principalmente quando se trata de ensino religioso. Por isso, escolher uma escola para matriculá-los vai muito além da estrutura, grade ou corpo docente.

 

Não que tudo isso seja irrelevante. A questão é que, para quem está procurando pelo que você busca, o mais importante de tudo é que o ensino religioso seja um dos pilares da instituição. Mas qual é a diferença entre uma escola comum e uma que tem como base o ensino religioso? Continue lendo e descubra!

 

O ensino religioso e a compreensão do mundo.

Para começar, numa escola que tem como norte o ensino religioso, a religião é ensinada e seguida como sendo o centro de tudo. Por meio de suas crenças que o aluno entenderá o seu lugar no universo, como ele funciona e, principalmente, o levará para o caminho mais perto de Deus.

 

E é através desta mesma direção que o estudante poderá entender o funcionamento de tudo. Da nossa sociedade, como um todo, das pessoas ao seu redor, como indivíduos, e a si mesmo, como sendo obra de algo muito maior do que ele próprio.

Aprendendo ética, moral e bons costumes no dia a dia

Ligado diretamente ao caminho seguido por uma instituição que tem como seu norte o ensino religioso, estão a ética, a moral e os bons costumes. Essas características serão ensinadas para o aluno desde seu primeiro dia e o acompanharão não só até sua formatura, mas para toda a vida.

 

Pensar no bem-estar do próximo, ter compaixão, agir com generosidade, entender e respeitar os direitos das pessoas, entender o enorme valor da família. Este são alguns exemplos do que significa seguir os ensinamentos de Deus por meio da Palavra na prática e é isto que fará parte da rotina do estudante.

 

Com o ensino religioso, todos ganhamos

Se engana quem pensa que o ensino religioso é “apenas” uma questão de fé. Ele vai para muito além disso e entra em todas as esferas sociais. Segundo o teólogo Luiz Sayão, o ensino religioso faz parte da nossa vida social, cultural e histórica. Ele contribuiu e contribui para a formação do cidadão.

 

A religião é uma parte fundamental de nossa sociedade e entendê-la mais a fundo, vivendo suas práticas, é uma ótima maneira de aprender um pouco mais, não apenas sobre ela, mas sobre a história humana.

A instituição de ensino religioso é a melhor opção?

Se o caminho que você procura para seu filho é o mesmo que o seu, religioso e mais perto dos costumes que acredita serem os certos, sim. Uma instituição que prioriza o ensino religioso não só vai colocá-lo na direção da Palavra de Deus, como também vai poder ensiná-lo mais a fundo como ela funciona. Tanto na teoria quanto na prática.

 

E não será apenas sua família que ganhará com isso, mas a sociedade como um todo.

 

Quer ficar por dentro de todas as matérias do nosso blog? Então faça sua assinatura, deixando seu e-mail aqui embaixo e receba todas as nossas publicações.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up
IAP - Educação Básica